top of page

Neurodegeneração com acúmulo cerebral de ferro (NBIA)

Os transtornos do movimento são uma classe de condições neurológicas que afetam a capacidade do cérebro de controlar os movimentos do corpo. Um subgrupo dessas desordens é conhecido como neurodegeneração com acúmulo de ferro no cérebro (NBIA, do inglês neurodegeneration with brain iron accumulation), que é caracterizado por um acúmulo anormal de ferro no cérebro (especialmente nos núcleos da base) e sintomas motores, cognitivos e comportamentais.


De forma não exaustiva, fornecemos aqui uma uma lista de condições genéticas conhecidas por causar NBIA, juntamente com informações sumarizadas sobre o gene associado, o modo de herança e as características clínicas:

  1. Pantothenate kinase-associated neurodegeneration (PKAN) - gene PANK2, herança autossômica recessiva (AR), início da distonia e espasticidade na infância.

  2. Phospholipase A2-associated neurodegeneration (PLAN) - gene PLA2G6 , herança AR, distrofia neuronal infantil associada à hipotonia, distúrbios da marcha e atrofia cerebelar; distonia, espasticidade e parkinsonismo com início na infância e na idade adulta.

  3. Mitochondrial protein-associated neurodegeneration (MPAN) - C19orf72, herança AR, atraso global no desenvolvimento, atraso cognitivo e motor, distonia, demência e parkinsonismo.

  4. Aceruloplasminemia - gene CP, herança AR, anemia, degeneração retiniana, diabetes mellitus, distonia, coreia e ataxia cerebelar.

Em relação aos achados de ressonância magnética (MRI), os pacientes com PKAN têm um sinal característico "olho de tigre" na região do globo pálido. Os pacientes com MPAN geralmente apresentam hipointensidade apenas no globo pálido e na substância nigra, enquanto aqueles com aceruloplasminemia têm hipointensidade simétrica dos núcleos dentados, globo pálido, putâmen, tálamo e núcleos rubros.





Outras formas genéticas de NBIAs são:


5. Doença de Kufor-Rakeb - gene ATP13A2, herança AR, distonia e/ou parkinsonismo, espasticidade, paralisia do olhar vertical e declínio cognitivo. Com frequência, pode não ter acúmulo de ferro cerebral.


6. Fatty acid hydroxylase-associated neurodegeneration (FAHN) - gene FA2H, herança AR, disartria, anormalidades na marcha, distonia e parkinsonismo. Associa-se com leucodistrofia, corpo caloso afilado, atrofia do tronco cerebral e cerebelo.


7. Síndrome de Woodhouse-Sakati - gene C2orf37, herança AR, distonia, perda auditiva sensorial, hipogonadismo, alopecia, diabetes mellitus e déficit intelectual. Também se associa com leucodistrofia e frequentemente não tem acúmulo de ferro.


8. Neuroferritinopatia - gene FTL, herança autossômica dominante (AD), marcha distônica tardiamente na doença, distonia orofacial induzida por ação, déficits cognitivos sutis. Tem depósito de ferro nos denteados, GPi, putamen, caudados, tálamos e núcleo rubro.


9. β-propeller protein-associated neurodegeneration (BPAN) - gene WDR45, herança dominante ligada ao X, atraso no desenvolvimento na infância com distonia progressiva, parkinsonismo e demência. Pode incluir epilepsia, espasticidade e distúrbios do sono. Depósito de ferro na substância negra e globo pálido, com um halo de sinal hiperintenso em T1 na SN.


10. CoPAN (COASY protein-associated neurodegeneration) - gene COASY, herança AR, início precoce na infância, com espasticidade e distonia, parkinsonismo e neuropatia axonal. Alterações cognitivas e comportamento obsessivo-compulsivo também podem estar presentes. Ferro depositado na SN e GP.


As NBIAs são raras, mas têm um grande impacto na qualidade de vida dos pacientes e suas famílias. A identificação precoce dessas condições genéticas é crucial para o tratamento adequado e manejo dos sintomas.

258 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Groton Maze Learning Test (GMLT)

O Groton Maze Learning Test (GMLT) é um instrumento neuropsicológico que oferece uma avaliação abrangente de múltiplos domínios cognitivos, com particular ênfase na aprendizagem e memória espacial, fu

Stop-signal task

O Stop Signal Task (SST) é uma ferramenta essencial para estudar a inibição de respostas, um componente crucial do comportamento flexível e dirigido a objetivos. Nesse teste, os participantes realizam

Julgamento de Orientação de Linhas

O teste de Orientação de Linhas (JLO) é um instrumento neuropsicológico amplamente utilizado para avaliar habilidades de orientação espacial. Este teste foi desenvolvido com base em estudos que demons

Comments


bottom of page